segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Saiba tudo o que acontece nas sessões da Câmara de itaboraí






Está no ar o Pitaco na Câmara
Blog criado com o intuito de discutir o que acontece na Câmara municipal de Itaboraí.

A idéia do criador do blog é a de cobrir todas as sessões da Câmara, dando sempre os seus Pítacos.

Saíba o que o que acontece em cada sessão da Câmara
Acesse


Ação cancelada

Devido á mudança brusca de tempo a ação de conscientização de hoje está cancelada.

O tempo tá muito feio, pode chover a qualquer momento.


mas não deixe der ser cidadão:
Quando passar na praça e ver alguém além das crianças nos brinquedos, converse, explique, peça que saia dos brinquedos.

Estarei promovendo ações como essa em outros dias, esporadicamente.

Avisarei aqui no blog
http://www.vivaitaborai.blogspot.com/

sábado, 26 de fevereiro de 2011

ADI desponta para o sucesso!

Após a contratação de Valdir Bigode,  o ADI começa a chamar atenção da Mídia, inclusive com uma reportagem para o Globo Esporte, gravada ontem, durante o treino para o importante jogo contra o  Apollo no jogo de hoje, em Arraial do Cabo, pelo Grupo E do Campeonato Estadual da Série C



Valdir Bigode, importante atacante  do Vasco e Atlético Mineiro.
Hoje técnico do ADI



terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

A Passeata das mães dos alunos da Pestalozzi foi cancelada




Hoje, 22/02,  às dez horas
(10:00), as mães foram recebidas na secr. de educação pela secretária de
educação.

A secretária de educação foi muito atenciosa e se mostrou estar disposta a
resolver o problema daquelas mães. 

O que percebi com o desenvolvimento da reunião é que devido a processos
burocráticos entre a pestalozzi e a prefeitura, quem saiu perdendo foram as
mães.

Para solucionar os problemas foi marcada uma reunião de planejamento entre
coordenadores da pestalozzi e Profissionais da Secretária de Educação. Eu
sugeri que uma representante das mães participasse desta reunião, o que foi
aceito pela secretaria de educação. Vou continuar a acompanhar a luta dessas
mães, e qualquer novidade posto aqui.


A ato de amanhã foi cancelada.

Texto de Tio Fábio

Uma questão de (des)educação


(Extraído de "Toda Mafalda", Quino)

E se a Mafalda conhecesse a malfadada educação brasileira, quem a conteria?...


Não tenho a inquietação política da Mafalda, muito menos do filho mais novo, porém, lendo algumas manchetes e notas publicadas no jornal A Gazeta dos últimos dias acabei juntando as peças...



Conversando com minha mãe, que é professora desde os 15 anos e ainda trabalha com educação, discutíamos sobre a dificuldade que a maioria das pessoas têm de falar e escrever o Português, corretamente. Independente do nível de escolaridade, resvalam na hora de usar a língua materna: uns, com maior frequência e gravidade que outros, mas, todos pecam(os).



Não tenho a intenção de me aprofundar ou chegar a conclusões simplistas, mas há 2 principais responsáveis pelo desenvolvimento do vocabulário da criança: 

1°-Fluência e influência dos pais e familiares mais próximos( nível de escolaridade, cultura e estímulo à leitura);

2°-Escola.

É nesse segundo ponto que eu gostaria de tocar, superficialmente, tocada pelas últimas manchetes do jornal.

A Gazeta(ES) do dia 19 traz a seguinte matéria:

"Indignadas. Iná Xavier e Marlúcia Leandro têm a mesma reclamação: os filhos não conseguem entender o que eles mesmos escrevem"

A matéria pode ser lida na íntegra, aqui, mas trata de uma das consequências do descaso com a alfabetização e ensino fundamental nas escolas públicas: a proliferação dos "analfabetos funcionais".



 "A aprovação automática até o 3º ano - sugerida pelo Conselho Nacional de Educação (CNE) e seguida pelas secretarias municipais - parece ter virado sinônimo de falta de acompanhamento do desenvolvimento dos alunos, em algumas unidades."
"...Muitas mães, porém, reclamam do acompanhamento e afirmam que as crianças estão sendo aprovadas para as séries seguintes sem, sequer, saberem ler e escrever."

Não vou nem questionar a "lei da aprovação automática", pois não cabe a mim parecer técnico.
Mas, não há motivo para preocupação: nossas crianças serão salvas da ignorância com a construção de mais escolas...


(Placa oficial, fotografada em Linhares-ES e publicada no jornal "A Gazeta" do dia 19/02)

Esperando que tais "centros de educação infântil" não sejam centros de proliferação do "Seu Creysson"...

Isso é apenas para dar uma pequena mostra de como anda a base da nossa educação.

Mas, isso também não é motivo para preocupação!

"Não contavam com a astúcia" dos burocratas do Governo! 
Se a criança não tiver direito a ensino fundamental eficiente, se escrever, e não souber decifrar o que ela mesma escreveu, se ler, e não souber traduzir o que ela mesma acabou de ler, não há nada que não se remedie com muita "maquiagem"!
Nesse ponto, não concordo com o sistema de cotas!
Mas o Governo acha que assim vai resolver o problema da desigualdade social, criando um outro tipo:

  
(Matéria publicada no jornal, ontem)

"O levantamento do perfil dos aprovados no VestUfes 2010 para Medicina, feito pela Secretaria de Inclusão Social e obtido com exclusividade por A GAZETA, mostra ainda que 16,6% dos aprovados não cotistas tiveram que fazer no mínimo quatro vestibulares até entrar na Ufes - índice que cai para 6,25% entre os cotistas."



O resultado não me surpreendeu. Embora seja uma pesquisa local, com algumas adaptações regionais poderia ser aplicada a qualquer universidade federal do país: está cada vez mais difícil passar no vestibular, um sistema que, por si só já é injusto!

Acompanhei esse processo bem de perto, na própria família: minha irmã mais nova, só depois de tentar vestibular para Medicina por 4 anos seguidos conseguiu ser aprovada num vestibular fora de época, disputando uma sobra de vagas(concorrência 140:1), abertas, justo por quê?: 
Seis alunos que entraram na Universidade pelo sistema de cotas, decobriu-se mais tarde terem burlado os critérios da seleção.
Não fosse pelo atual sistema de cotas e ela teria conseguido passar antes. Mas o que lhe atrasou a conquista foi o que lhe proporcionou a chance de nova tentativa.

Vejam o que disse o secretário de inclusão social da Ufes*, Antônio Carlos Moraes:


"Em geral, quando o candidato pobre é reprovado no primeiro vestibular, a tendência é a entrada precoce no mercado de trabalho e a desistência. O rico continua tentando até dar certo. Nesse sentido as cotas cumprem sua função social', diz."

(*UFES-Universidade Federal do Espírito Santo)
Leia a matéria na íntegra, aqui na Gazeta.


Não tenho a intenção de levantar polêmica, nem discutir a "lei das cotas", mas a declaração do secretário foi infeliz, no mínimo, tendenciosa. 

Que o estudante do ensino público, ou de classe social mais baixa está em desvantagem, disso já tratamos no início do post. Não há o que discutir!
Injusto é dizer que, todo aluno proveniente de escola particular é "rico", portanto, merece sofrer espera e angústia maior para entrar na Universidade.
Minha mãe é educadora e funcionária pública: Foi assim, com todas as dificuldades e limitações econômicas que educou 3 filhos em escola particular. Mas, classificá-la como "rica" é risível!

Mas, isso também não é problema!

Ainda sobre o jornal de ontem, minha mãe leu-me uma notinha destacando que o ex-presidente Lula  aproveitava a atual folga, "deliciando-se" com a leitura de um livro.
( Só num país como o nosso, para ser necessário publicar num jornal que um ex-presidente lê alguma coisa! Bem...antes tarde do que nunca!)

Quando presidente, Lula admitiu não ter intimidade com livros. 
Em outra ocasião, muito comentada, até bateu no peito, orgulhando-se de sua mãe ter "nascido analfabeta". Leia-se, nas entrelinhas:

"Atenção, crianças! Não se preocupem em estudar! Quem sabe ao crescerem, se souberem fazer política como eu ( ou o Tiririca, ou o Romário, ou o Franklyn Aguiar...) poderão se tornar 'presidentes da República'?!"


Enquanto isso, no país do mínimo-mínimo... 
"O salário, ó!"

Abrindo um parêntese:
Falando em deseducação, filho do meio ontem viajou de ônibus para outro município, onde estuda. 
À noite, quando me ligou, contou sobre a aventura da tarde: Sentara atrás de uma criança, acompanhada da mãe. 
A certa altura da viagem, a criança simplesmente abriu a janela do ônibus em movimento e deu uma bela cusparada; os perdigotos, e outras coisas mais foram parar, sabem onde...
Perguntei-lhe o que fez, se avisara à mãe da criança deseducada sobre o ocorrido( e será, que ela não viu?!...). 
Respondeu-me que "não"; ficara chateado, mas não queria criar encrenca.
Pelo visto esse filho( o meu) é educado(mas a mulher com a criança, não).
Chamei-lhe a atenção pela inação. 
Precisamos falar, mesmo que a verdade incomode outros. É ação educativa!

Fecha parêntese.

 
Hoje fuji ao assunto, sei; mas, como já expliquei outras vezes por aqui: é "ao gosto do freguês", no caso, meu gosto.




Conteúdo gentilmente cedido pela Laély uma médica capixaba que escreve no Sala da La, dá uma passadinha lá pra conferir, tem muita coisa inteligente rolando por lá!

Resultado do manifesto popular

Conforme programado o manifesto popular foi realizado hoje.

Infelizmente nem todos que se comprometeram apareceram.
Mas isso não foi um problema, visto que o projeto correu conforme o programado

Com o apoio de  Tio Fabio e dos pais e avós presentes na praça, nós do Viva Itaboraí realizamos um movimento de conscientização sobre o bom e o mau uso dos brinquedos da praça

Conforme já disse aqui antes, a Prefeitura se comprometeu em encaminhar o pedido de reparo ao setor especifico, nos cabe apenas esperar.

Enquanto isso podemos cuidar para que os brinquedos não fiquem pior do que já estão

Veja as fotos







Olha  o exemplo:
O avô viu que um prego estava solto, podendo machucar a sua netinha.
Pegou uma pedra e bateu a fim de baixar o prego.

É dever do poder público sim, mas também da sociedade cuidar do lazer e bem estar das crianças




A criança pôde brincar em segurança



Pais e avós presentes apoiaram a iniciativa do Viva Itaboraí




Após o ato de conscientização os jovens presentes se mostraram dispostos a colaborar


Inclusive alguns deles saíram prontamente dos brinquedos quando foi-lhes solicitado
Parabéns rapaziada!



 Tio Fabio, Manuela Nygaard e Alberto 

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Mães de alunos especiais da pestalozzi fazem passeata




A Associação Pestalozzi de Itaboraí precisa de ajuda, prefeito quer atender alunos especiais maiores de 18 anos no EJA á  noite

Divulguem mães especiais de alunos da pestalozzi fazem passeata quarta-feira às 9 hrs pq a prefeitura 
mandou-os para estudar à noite




Fonte: Adrian_Coutinho


Imagem: Tio Fábio

Prefeitura investe em Educação para Jovens e adultos EJA





Acontece hoje ás  18h a aula inaugural na Escola Municipal Antônio Joaquim da Silva, que fica na Rua Alfredo Salles, Lote 18, Quadra 02, Jardim Floresta, Manilha. E na quinta-feira (24/02), às 19h, é a vez da Escola Municipal Prefeito Milton Rodrigues Rocha, localizada na Avenida Carlos Lacerda, s/nº, em Areal.


A Prefeitura tem investido na EJA em vista do aumento na procura pelos estudos na cidade. 


Podem se matricular pessoas acima dos 15 anos de idade. 


Atualmente, 19 escolas municipais contam com a Educação de Jovens e Adultos, com mais de 2 mil alunos matriculados.


Secretária Municipal de Educação e Cultura
Tel: (21) 2639-2001






Fonte: blog da Prefeitura de Itaboraí  e  Prefeitura 

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Manifesto popular em favor das crianças- CANCELADA


AÇÃO CANCELADA DEVIDO AO MAU TEMPO
CLIQUE AQUI E VEJA MAIS


____________________________________________________


Estou organizando um ato social, uma pequena manifestação, na praça de Itaboraí
O objetivo é de conscientizar quem está danificando os brinquedos da praça.



A Prefeitura se comprometeu a tomar providencias quanto ao reparo, agora cabe a nós como sociedade fazermos a nossa parte 

Vamos dizer a esses jovens que lugar de sentar é no banco da praça, não no brinquedo as crianças



Vá, leve uma criança pra brincar no espaço que é dela por direito

Lembrando: não haverá panfletagem, carro de som, faixas, apenas a força de vontade de quem estiver presente

Peço aos participantes:

Não denegrir a imagem das pessoas presentes
Prestar atenção no vocabulário usado 
Não usar de forma alguma gestos ou atos violentos ou obscenos
Em caso de dúvidas ou problemas, se dirigir á mim

Chegarei lá na hora marcada

Conto com a colaboração de vocês!

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

De bem com a vida.. e com a saúde!




A Prefeitura está promovendo os Projetos “Rio 2016” e “De Bem com a Vida” que estão retomando as atividades com inscrições abertas para novos alunos.

O Projeto “Rio 2016” funciona no Ginásio Poliesportivo de Manilha, oferecendo três modalidades esportivas: futsal e basquete para crianças e jovens entre 7 e 18 anos, e ginástica para adultos e idosos


O “De Bem com a Vida” tem como objetivo incentivar homens e mulheres, de qualquer idade, a praticar exercício físico.

 Reta, Rio Várzea, Cabuçú, Ampliação, Jardim Imperial, Areal, São Joaquim, Apollo e Santo Antônio


Para se inscrever nos projetos basta comparecer ao local das atividades, durante o horário das aulas. O início é imediato. As atividades são completamente gratuitas.

 Outras informações podem ser obtidas na Secretaria de Esporte e Lazer (Rua Dr. Mesquita, nº 340, Centro) ou através do telefone 3639-2072.


Confira abaixo os dias e horários dos Projetos:

Projeto Rio 2016

Ginástica: Segunda à sexta-feira, a partir das 7h.
Basquete: Segunda, quarta e sexta-feira, a partir das 17h.
Futsal: Segunda à sexta-feira, a partir das 14h.

Projeto De Bem com a Vida

Ampliação – Cais – Terças e quintas, de 7h às 8h.
Apolo – E. M. Antônio Alves Viana - Quartas e sextas, de 7h às 8h.
Areal – Quadra do Areal – Terças e quintas, de 7h às 8h.
Cabuçu – Terças e quintas, de 8h às 9h.
Jardim Imperial – Pracinha do Jardim Imperial – Segundas e quartas, de 7h às 8h.
Reta – BNH (Reta Velha – próximo ao Trevo) – Terças e quintas, de 7h às 8h.
Rio Várzea – Quadra de Esportes da Rua 100 – Quartas e sextas, de 7h às 8h.
Santo Antônio – Clube Manilhense – Terças e quintas, de 7h às 8h.
São Joaquim – Quadra de São Joaquim – Segundas e quartas, de 7h às 8h.





quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Uma vitória da paz

Como tenho discursado sempre: sou contra manifestações, algazarras e afins.
Pelo menos em relação a Órgãos Públicos.
mais vale a camara cheia de pessoas do povo assistindo a sessão e comentando depois nas redes socias do que a praça cheia de gente gritando, sujando o chão com panfletos e outras coisas do tipo.

Com essa postura consegui ser atendida pela Prefeitura rapidamente  e hoje saíu uma matéria no maior jornal da região falando sobre o mau estado de conservação da praça.

A matéria não me cita.
Eu nem sequer enviei a denuncia ao O São Gonçalo.

Mas com certeza a história repercutiu, ao menos o suficiente para fazer com que a matéria fosse publicada.  O que com certeza não foi apenas uma coincidência.




Veja aqui a matéria do O São Gonçalo


Gostaria de agradecer a todos que me parabenizaram e repetir aqui o que escrevi no orkut

Essa foi, mais uma vez, uma prova de que pacificamente e com serenidade alcançamos muito mais vitórias 


A praça continua com os brinquedos quebrados

Mas ainda não esquecemos disso.

Estamos de olho Sr. Prefeito!

Ajuda aos alcolatras de Itaboraí

A Paróquia São João Batista está realizando reuniões semanais no Salão Paroquial, ao lado da Igreja, na Praça de Itaboraí




A Pastoral da Sobriedade é um grupo de apoio que visa ajudar pessoas com problemas com o alcoolismo.
A reuniões ocorrem todas as quintas feiras as 19:00 hrs no Salão Paroquial, 2° andar da Casa Paroquial, ao lado da Igreja.

Veja a mensagem deles:

"A Organização Mundial de Saúde reconhece o alcoolismo como uma doença, que pode ser detida, mas não curada.

Ela afeta todos aqueles que estão próximos do alcoólico..
Participando das reuniões da Pastoral da Sobriedade você encontra ajuda e compreensão.
Como você, todos na Pastoral sabem o que é viver com a incerteza e insegurança que o alcoolismo traz.

Nós o convidamos a experimentar nosso programa.
Você pode ter uma vida melhor, livre de ansiedades medo e desespero.
Nas reuniões da Pastoral você encontrara outras pessoas que estão sofrendo os mesmos problemas que os seus.
Ajude-se!"

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Regularize a sua obra







Está em vigor a lei nº2175/2010, que permite sanções ás construções que tenham sido edificadas no afastamento frontal, ou seja, desrespeitando a distância mínima da frente do terreno até o início da construção; que tenham excedido a taxa de ocupação, utilizando a área de construção além do percentual máximo permitido para o terreno, que não tenham cumprido o número de vagas determinadas para estacionamento, além de outras irregularidades, 


As mesmas devem ter a situação regularizada  até o dia 31 de dezembro de 2011 . Após esta data, os imóveis que permaneceram irregulares ficam sujeitos as sanções previstas em lei, além de não obter o habite-se.




As construções que tenham ultrapassado os limites do terreno, que ponham em risco a segurança ou a saúde pública e obras situadas em áreas de proteção ambiental, não poderão ser legalizadas.




O proprietário que tiver seu imóvel em condição irregular tem até o dia 30 de junho de 2011 para isenção do pagamento da Mais Valia. Após esta data deverá pagar uma compensação financeira a Prefeitura calculada a partir da área que está em Mais Valia




Para se regularizar procure a Secretaria de Meio Ambiente e

 Urbanismo (Av. 22 de Maio, 7071, Venda das Pedras – Itaboraí).





terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Ação Solidária em Prol das Vitimas da Região Serrana

A PREFEITURA DE ITABORAÍ ESTÁ PROMOVENDO MAIS UMA AÇÃO SOLIDÁRIA EM PROL DAS VITIMAS DA REGIÃO SERRANA,

Clique na imagem para ampliar



AJUDE VOCÊ TAMBÉM!

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Que lindo as crianças brincando!

Pena que essas crianças já passaram um pouquinho da idade de brincar nesses brinquedos!
Fotos tiradas em 14/02 as 17:30 hrs





A paparazzi de plantão aqui não agradou muito não, alguns fizeram até gracinhas!
Isso só mostra o nível da educação que os jovens estão recebendo hoje dentro de casa!




 Esses aqui deram sorrisinho pra camera!



E o cúmulo
Expulsaram a menininha do brinquedo!
Ela estava brincando nesse brinquedo quando esses adolescentes subiram impedindo-a de continuar brincando




Os pais presentes foram unânimes: isso só ocorre pela falta de fiscalização da Prefeitura.
Bastava 1 guarda municipal pra inibir o vandalismo.




Estamos aguardando a ação da Prefeitura 
Enquanto isso não acontece podemos, e devemos, fazer algo pra zelar pelo pouco que nos resta desse Patrimônio público 

Se quiser fazer algo a respeito entre em contato comigo  que direi como


Postagens populares